Script Brasil

Esqueceu a sua senha do WiFi? O Google sabe!

É isso mesmo! A gigante norte-americana guarda, em backup, cópias de histórico de senhas WiFi de aparelhos com sistema operacional Android em seus servidores, o que propicia o mapeamento de redes e a descoberta de qualquer password em qualquer lugar do mundo.

Em uma época de Wikileaks, de grampos telefônicos estadunidenses e diversas denúncias de espionagem em nível mundial, mais um ponto vem se juntar à lista: a Google.

Assim, seus queridos dados pessoais, como senhas, poderão ser acessados para conhecimento de órgãos de governo, ou também, dessa empresa, criadora do sistema Android. Tudo isso, evidentemente, é muito grave e configura todo um panorama de extrema insegurança ao usuário.

Esqueceu a sua senha do WiFi? O Google sabe!

Com uma notícia com tal nível de seriedade, você, como usuário de serviços fornecidos pela empresa Google fica estarrecido e preocupado que plataformas como: Android, iOS e BlackBerry, ou, até mesmo, a conta no Gmail, nada disso está em segurança. Todos esses dados são devassáveis, o que foi percebido, segundo levantamento recente de empresas de segurança virtual.

Tal “acesso privilegiado” apenas é possível, por conta do sistema de registro – ou backup – do sistema operacional, que tem, como procedimento padrão, de manter uma cópia de todo e qualquer histórico de senhas WiFi em servidores da Google.

Assim, caso haja um pedido oficial, a empresa pode se ver obrigada a ceder tais dados, o que daria – a esse solicitante – acesso a sua rede WiFi. Assustador, não é mesmo?

Google PasswordTudo estaria totalmente solucionado, caso a Google criptografasse as senhas, fazendo com que as mesmas ficassem em segredo. Entretanto, essa corporação faz o backup, mas mantendo seus registros legíveis, ou seja, até mesmo se a própria empresa desejar, eles podem ler o que você está fazendo online em seu mobile.

Resumindo: sabe quando você perde seu celular ou sofre um roubo? Você vai à loja, compra outro e seus dados são transferidos para o novo modelo, certo? Então, é disso que se trata: esse arquivamento de seus dados – que, à primeira vista, parecem extremamente práticos e úteis – são a chave para invadir sua privacidade, se utilizado para algum fim escuso.

Em resumo: a Google, de fato, concentra um mapa de todas as redes sem fio do planeta – e isso representa mais de 1 bilhão de conexões em dispositivos Android ativados, em toda parte.

Por isso, é importante estar sempre com atenção ao uso que se faz da internet móvel, atualizando todos os dispositivos de segurança disponíveis, para que seus dados mais sigilosos consigam ser preservados, em caso de uma invasão – ou investigação.  

Postado em - Atualizado .


Pela Web

Comentários