Script Brasil

Sony anuncia fita cassete com espaço para 47 milhões de músicas

Criadora de eletrônicos de aúdio, tecnologia da informação e vídeo. A empresa Sony bate recorde por anunciar a criação em 2014 de uma fita cassete que contém espaço para armazenar até 47 milhões de músicas.

As fitas magnéticas funcionam de forma semelhante a um dispositivo. Porém, a novidade desta vez está na criação que se diferencia por conta de um processo conhecido como, a deposição por pulverização catódica.

Este procedimento diferenciado envolve diversas descargas elétricas que produzem cristais magnéticos, capazes de atirar íons de argônio em um filme de polímero. Dessa maneira, é criada uma parte de partículas magnéticas com medidas de apenas 7,7 nanômetros que estão bem próximas umas das outras.

Sony anuncia fita cassete com espaço para 47 milhões de músicas

Dessa forma, o tamanho reduzido das partículas atingem uma taxa elevada que os dois gigabits por polegada quadrada de qualquer fita magnética comum.

Durante o período das décadas de 1980 e 1990, não existia os tão conhecidos e usados atualmente, smartphones, tablets, além dos diversos PCs de última geração que tomaram conta do gosto de muitas pessoas e hoje em dia é quase impossível viver sem eles, tanto para uso particular como no trabalho.

Os ultrapassados CDs players e dispositivos eram a sensação do período nas décadas de 80 e 90 e faziam a cabeça dos jovens. Entre eles, o utensílio de maior sucesso que muita gente conhece e sabe usar até hoje, são as famosas fitas cassete. Uma fita magnética que é capaz de armazenar diversas músicas.

A fita foi criada antes de começar a serem produzidos diversos tipos de formatos de mídia. Atualmente, completam aproximadamente 60 anos que o aparelho foi criado e já deixou de ser usada por muito tempo atrás.

Sony fita cassete 47 milhões de músicas

Com o tempo, a tecnologia das fitas foi se tornando cada vez menos usadas, e tudo isso começou quando foram lançados os CDs, que hoje em dia, também já quase não são mais comuns, isso porque, a tecnologia permite encontrar músicas pela internet e reproduzi-las nos demais aparelhos tecnológicos.

Mas, apesar de cair em desuso, ainda são usadas em determinadas empresas e órgãos governamentais, pois, além de serem bem mais baratos do que outros dispositivos usados para armazenar dados, são também mais resistentes em relação a um HD tradicional e mais moderno. A fita cassete mais utilizada da Sony, possui alta densidade e é capaz de armazenar até 185 TB de dados.

A Sony ainda não divulgou data e preço de lançamento da fita magnética de 185 TB. Isso porque a empresa está trabalhando para melhorar a tecnologia e assim poder vender para o mercado. Além de comercializá-la mundialmente para todos os usuários.

Postado em .


Pela Web

Comentários